Skip to main content
Tag

Guilherme Boulos

VII Salão do Livro Político: “A leitura transforma”

Por Notícias

O VII Salão do Livro Político se encerrou no último domingo, foram vários dias com exposição de livros, cursos e mais de quinze mesas de debates sobre a democracia na América Latina, literatura e gênero, ecologia e questões raciais, dentre outros temas.

No primeiro dia de debate, que contou com a participação da ex-presidenta Dilma Rousseff, Álvaro García Linera, vice-presidente da Bolívia entre 2006 e 2019, Manuela D’Ávila e Guilherme Boulos, com mediação de Ivana Jinkings, diretora da Editora Boitempo, foi lida uma carta enviada pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, falando sobre a importância da leitura para transformar a sociedade.

Confira a carta na íntegra:

Eu acredito que todo livro exerce um forte papel político – seja um romance, uma biografia, um volume de poesias ou de contos, ou mesmo uma história que lemos para as crianças. Porque nós nunca terminamos uma leitura do mesmo jeito que começamos. A leitura nos transforma. Nos leva a conhecer outros lugares e outros modos de vida, nos apresenta novas ideias e novas emoções. O livro nos faz refletir, e muitas vezes muda o nosso jeito de enxergar o mundo.

E este é justamente, para mim, o papel da política: provocar mudanças. Jamais permitir que as coisas permaneçam estagnadas, enferrujadas no mesmo lugar. A política é a arte da transformação, porque o mundo com o qual sonhamos nunca está pronto. Ele precisa ser construído, pela política e – por que não? – também com a ajuda dos livros.

Mas se todo livro é político, qual a função do livro político? Ele é quase um manual de funcionamento do mundo, escrito por gente que dedica a vida a entender como e por que chegamos aonde estamos, e, a partir daí, o que podemos fazer para não continuarmos no mesmo lugar.

Dito isso, quero saudar as editoras, os autores e as autoras participantes deste VII Salão do Livro Político. Aprendi muito com a vida, com as pessoas com as quais convivi, e com as dificuldades que fui obrigado a enfrentar. Mas os livros escritos por vocês, e por aqueles que vieram antes de vocês, também ajudaram a fazer de mim a pessoa que sou agora. Alguém que aprendeu a enxergar o mundo para muito além do seu próprio mundo.

Muito obrigado pelos ensinamentos. Um forte abraço do leitor,

Luiz Inácio Lula da Silva

Compartilhe: