Category

Notícias

Cartola Editora anuncia coleção em 25 volumes inspirados na música popular brasileira

Por Notícias Sem comentários

Em comemoração ao seu primeiro aniversário, a Cartola Editora anuncia a coleção de antologias Músicos & Poetas. A coleção retrata 25 compositores que fizeram sucesso na música popular brasileira, do Forró ao Rock n´Roll. Cada volume terá vinte histórias inspiradas em vinte músicas de cada artista, uma maneira que a editora encontrou para homenagear os músicos e poetas do Brasil.

Cada história será escrita por um autor diferente, todos eles já publicados pela editora e convidados para o projeto. Os livros terão ainda uma versão especial para colecionador, em capa dura, com direito à aquisição de um box para guardar a coleção ao final do projeto. Um novo volume será lançado a cada três meses. O primeiro livro, por motivos óbvios, será uma homenagem ao Cartola, e em breve estará disponível para aquisição através de um financiamento coletivo.

Além de Cartola, serão retratados os artistas abaixo em ordem alfabética (a ordem de publicação será definida conforme o lançamento do próximo volume):

Adriana Calcanhoto, Belchior, Caetano Veloso, Cazuza, Chico Buarque, Chico César, Djavan, Gilberto Gil, Gonzaguinha, Jorge Ben Jor, Luiz Gonzaga, Marina Lima, Marisa Monte, Milton Nascimento, Noel Rosa , Paulinho Moska, Raul Seixas, Rita Lee, Roberto Carlos, Tim Maia, Tom Jobim, Vinicius de Moraes, Zé Ramalho e Zeca Baleiro.

Para ter uma ideia do que vem por aí, segue a playlist do Cartola que integra o primeiro livro da coleção:

Compartilhe:

Cartola Editora anuncia o ˜Prêmio Cartola de Literatura˜

Por Notícias

É com enorme prazer que anunciamos o ˜Prêmio Cartola de Literatura”. O objetivo do mesmo é premiar os melhores textos escritos por nossos autores, em nossas antologias. Para participar, basta se inscrever em nossos concursos. Sendo selecionando, e tornando-se um dos participantes, estará automaticamente concorrendo. A primeira edição do prêmio ocorrerá no dia 10 de agosto de 2019, durante o evento de comemoração do aniversário da editora, em horário ainda a ser definido.

Mais informações serão divulgados na página do evento: Leia aqui.

A processo de escolha ocorrerá em duas fases. Na primeira fase, os próprios autores da Antologia votarão no melhor texto do livro. Por motivos óbvios, os autores não poderão votar no próprio texto. Os três textos mais votados estarão na decisão, quando passarão pelo júri técnico que definirá o vencedor.

Cada membro do júri dará uma nota para cada texto, aquele que somar maior pontuação será declarado o vencedor.

Os finalistas serão anunciados através das redes sociais e no site da editora, e no dia do evento serão anunciados os vencedores. O mesmo autor poderá receber premiações em antologias diferentes.

Caso a antologia contenha textos de organizadores ou profissionais da editora, os mesmos podrão ser votados, serão declarados finalistas, mas não concorrerão ao prêmio final.

Para a primeira edição do prêmio, serão premiados os autores das seguintes antologias:

  • O que elas contam?
  • Contatos imediato
  • O encontro dos mundos fantásticos.

Na antologia “O que elas contam?”o processo será diferente, em virtude de que o concurso já definiu os melhores contos na época em que foi lançado. As autoras serão listadas na premiação e o prêmio será entregue em mãos para a Ana Farias Ferrari, que venceu com o conto “Memória solicitada”.

Compartilhe:

Cartola Editora fecha parceria com o selo Drible de Letra para produzir livros sobre futebol

Por Notícias Sem comentários

Uma grande novidade para os amantes do futebol: o Selo Drible de Letra, que já publicou mais de vinte obras sobre o esporte bretão, passará a produzir livros em conjunto com a Cartola Editora.

O selo, que era parceiro da Editora Multifoco até dezembro de 2018, foi criado pelo editor Igor Serrano com o objetivo de engrandecer o mercado editorial esportivo brasileiro, que, diferentemente de outros países, ainda engatinha, com qualidade e não quantidade.

Depois de fechar parceria com o NETFLU, visando produzir livros exclusivos sobre o Fluminense Football Club (leia mais), a editora agora aposta na criação de outras obras sobre o esporte que mais enche de emoção o coração dos brasileiros.

Esperamos marcar muitos gols de placa com essa parceria.

Saiba mais sobre o selo em sua página no Facebook:

Compartilhe:

Cartola Editora fecha parceria com o NETFLU e produzirá livros sobre a história do Tricolor

Por Notícias Sem comentários

Uma novidade para os amantes de livros, de futebol e principalmente aos torcedores do Fluminense Football Club. A Cartola Editora formalizou nesta semana uma parceria com o portal de notícias NETFLU e passará a produzir em conjunto livros sobre a história do Tricolor das Laranjeiras. A editoria e o site número um da torcida tricolor selecionarão os livros, farão todo o design, editoração e trabalhão na divulgação das obras literárias.

Todos os livros serão financiados pelos torcedores, através de financiamento coletivo (crowdfunding) no Catarse, com valores a serem definido, com flexibilização. Os exemplares serão lançados em e-book em lojas do mundo inteiro e os livros físicos poderão ser adquiridos em nossa loja, na Loja NETFLU e em todas as lojas parceiras (veja lista aqui).

Todo lançamento de livro ocorrerá na sede do Fluminense em data e horário a serem divulgados a cada projeto. A comunicação do lançamento das obras acontecerá tanto aqui em nosso site e redes sociais como também nos perfis do NETFLU. Fique ligado!

Sobre o NETFLU:

Fundado em dezembro de 2008, o NETFLU é o maior site de notícias do Fluminense e um dos maiores portais independentes de clubes do Brasil. Criado por jornalistas tricolores, atingiu a marca de 200 milhões de visitas no fim de 2018.

Visite o site e siga nossa nova parceira em suas redes sociais:

 

Compartilhe:

Feira de livros promete descontos chocantes e lançamentos imperdíveis

Por Notícias Sem comentários

No próximo 06 de abril, acontecerá em São Paulo a primeira Choque Literário – Feira da Coesão Independente, evento que reunirá diversas editoras de literatura, quadrinhos e outras publicações impressas na Associação Osaka (Rua Domingos de Morais, 1581, Vila Mariana, SP – próximo do metrô Vila Mariana). Durante o evento, que tem entrada gratuita, mais de 30 editoras de todo o Brasil estarão expondo e vendendo seus principais títulos.

Além da participação de diversos autores, o evento será um grande encontro entre editoras e seus leitores, que poderão comprar essas obras com descontos especiais. Com palestras e bate-papos com profissionais da área, a programação promete discutir ficção, livros infantis, horror e muitos assuntos relevantes para quem tem paixão pela leitura. Haverá uma área com hambúrgueres artesanais (com opção vegetariana) e uma loja vendendo camisetas, chaveiros e ecobags do evento.

As editoras presentes no evento são: Skull, Mundaréu, Moinhos, Presságio, Nua, Lendari, Sebo Clepsidra, Córrego, Touro Bengala, Wish, Sinna, Luva, Jujuba, Monomito, Draco, Devora, Barbatana, Pólen Livros, Livros Prontos, Coerência, Bandeirola, Empíreo, Giz, Cartola, Selo do Burro, Parzifal, Aetia, Instante, Gosto Duvidoso, Diário Macabro e Estúdio Aspas.

Além dos parceiros Aberst (Associação Brasileira de Escritores de Romance Policial, Suspense e Terror), As Baratas (que fará a camiseta do evento) e O Corvo – Burger & Beer (responsável pela alimentação).

Saiba mais: Choque Literário

Compartilhe:

Literatura de cordel recebe título de Patrimônio Cultural Imaterial Brasileiro

Por Notícias Sem comentários

Na última quarta-feira (19), a literatura de cordel foi reconhecida pelo Conselho Consultivo do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN) como Patrimônio Cultural Imaterial Brasileiro, em reunião ocorrida na sede da Academia Brasileira de Literatura de Cordel, que foi fundada em 1988, no Rio de Janeiro, e contou com a presença de representantes da mesma e do Ministério da Cultura.

Popular no Norte e Nordeste do Brasil, a literatura de cordel se espalhou por todo país, por causa do processo de migração populacional. Em Pernambuco, o gênero tem destaque em festivais com o Museu do Cordel Olegário Fernandes, em Caruaru. Em 2005, foi criada a Academia Caruaruense de Literatura de Cordel (ACLC), que tem por objetivo valorizar os poetas do passado e incentivar os futuros cordelistas.

Apesar de sua popularização no Brasil, a literatura de cordel teve início com o romanceiro luso-holandês da Idade Contemporânea e do Renascimento. Os poetas portugueses tinham por hábito comercializar seus poemas em folhetos pendurados em cordões, que lá eram chamados de cordéis. Foram os portugueses que trouxeram o cordel para o Brasil desde o princípio da colonização. Na segunda metade do século XIX, foram feitas as primeiras impressões de folhetos brasileiros, com características próprias do nosso povo, com temas que incluem fatos do cotidiano, episódios históricos, política, lendas locais, histórias religiosas e entre outros.

* A imagem utilizada para ilustrar esse texto pertence ao Instituto de Estudos Brasileiros, da USP.
Compartilhe:

Vá à FLIPOP e ganhe um ingresso para a Bienal do Livro de São Paulo

Por Notícias Sem comentários

A FLIPOP é um evento literário voltado para o público jovem, que esse ano contará com 38 convidados, 28 bate-papos e atividades. Os debates incluem dicas para novos escritores, debate entre editores e tradutores, distribuição de brindes exclusivos, mesas sobre fantasias, representatividade, humor, a plataforma wattpad, entre outros. O evento ocorrerá no próximo final de semana, entre os dias 29 de junho e 1º de julho, no Centro de Convenções Frei Caneca, que está localizado no 4º andar do Shopping Frei Caneca.

O grande barato deste ano, é que além de ter acesso aos seminários, conversar com editores e escritores renomados, você também ganhará um kit que inclui um ingresso para ser usado em qualquer dia da Bienal do Livro de São Paulo, que ocorrerá entre os dias 03 a 12 de agosto.

A programação completa e todas as informações sobre o evento podem ser encontradas no link abaixo:

http://www.flipop.com.br/

Não deixe para depois, garanta sua participação na FLIPOP e também na Bienal do Livro de São Paulo.

Compartilhe: